Geraldo parabeniza Amambai, única cidade do MS contemplada com Cartão Reforma

 
Geraldo parabeniza a equipe do prefeito Bandeira Geraldo parabeniza a equipe do prefeito Bandeira
17/04/2018 17h35

Das 162 cidades selecionadas pelo Ministério das Cidades para participarem do programa Cartão Reforma, Amambai foi o único município contemplado de Mato Grosso do Sul. Costa Rica também se inscreveu, mas não teve seu projeto aprovado. O programa Cartão Reforma oferta o valor de mais de R$ 9.600,00 à famílias de baixa renda, para a compra de material de construção para conclusão, ampliação e reforma de casas próprias.

Para aprovação dos projetos, o acesso à internet, a existência de conflitos fundiários, áreas regulamentadas e regularizadas, além de acesso a saneamento básico foram critérios eliminatórios e classificatórios. "O prefeito Bandeira e sua equipe são diferenciados. Ao mostrar agilidade na apresentação da proposta e ao defender as potencialidades de Amambai, o Prefeito possibilita aos seus munícipes valores que serão investidos na cidade, que vão movimentar a economia, valorizar as residências e levar mais autoestima aos moradores", afirmou Resende.

Apenas famílias com renda bruta menor que R$ 2.811,00 poderão solicitar os valores. O candidato tem que ter mais de 18 anos ou ser emancipado e possuir residência em bairro indicado pela Prefeitura. Para ser contemplado, o candidato também tem que ter celular com tecnologia SMS e dispor de mão de obra para a execução da benfeitoria.

Mulheres, deficientes e idosos terão prioridade para a obtenção dos recursos, bem como uma escala de renda a partir da menor. Imóveis de madeira, exclusivamente comerciais, alugados ou objeto de disputa judicial não poderão ser contemplados. Os interessados devem procurar a Prefeitura. O cartão terá validade de 4 a 12 meses dependendo da obra.

Para a ampliação de casas com mais de três moradores pode ser solicitado até R$ 8.048,18, já para a construção de banheiro até R$ 5.009,84. Para tratamento de esgoto, até R$ 1.645,88. Para a cobertura inadequada (casas sem telha ou laje de concreto, por exemplo) até R$ 4.594. Instalações elétricas, hidrossanitárias (encanamentos, tubulações) e de piso, revestimentos internos ou externos, fazer pintura, reformar a cobertura e adaptar o imóvel para acessibilidade (para um usuário de cadeira de rodas, por exemplo) até R$ 7 mil.


 

Gabinete em Brasília - DF
Anexo IV - Gab 905 - CEP. 70160-900
Tel: (61) 3215-5905 - (61) 3215-3905
Fax: (61) 3215-2905
Email: dep.geraldoresende@camara.gov.br

Escritório em Dourados - MS
Rua Dr. Nelson de Araújo, 30
CEP. 79804-040 - Jardim América (Centro) - Dourados - MS
Tel: (67) 3422-9292
Fax: (67) 3427-0908
Email: atendimento@geraldoresende.com.br