São Gabriel do Oeste

Há 30 anos, o cerrado sul-mato-grossense era considerado inóspito e inapropriado para qualquer cultura. Mas São Gabriel do Oeste provou que, com esforço e trabalho, aliados à alta tecnologia, é possível produzir e transformar uma região em um pólo agrícola produtivo.

O município desponta como um dos mais prósperos da Região Norte, firmando sua marca inclusive no cenário nacional. Em 2006, foi o segundo maior produtor de sorgo do Brasil, além de deter as primeiras colocações estaduais na produção de soja, suínos e avestruzes. Tudo por meio de uma gente batalhadora, que aqui chegou, sem medo de sonhar com um futuro que hoje é realidade.

São Gabriel do Oeste é jovem, mas a região já é palco de atividades desde meados de 1885. Registros históricos apontam que a área onde hoje se situa a sede do município foi ocupada primeiramente por criadores de gado oriundos de Minas Gerais. O precursor dessa primeira incursão foi Bernardino Ferreira da Cunha. À época, a região integrava o município de Coxim.

Em 1948, parte do território de Coxim foi desmembrado – surgia o município de Camapuã, que continha os distritos de Ponte Vermelha e Areado. A ocupação das terras limitou-se às furnas - regiões mais acidentadas e providas de água, pois os chapadões do planalto não eram propícios a atividades agro-pastoris.

Somente na década de 1970, a região despertou para uma nova era de desenvolvimento. Percebeu-se a possibilidade de utilizar a área do cerrado para a agricultura. A partir de 1971, a região começou a ser estudada para sediar a cafeicultura. Tomando conhecimento dos planos do Instituto Brasileiro de Cafeicultores no plantio de café, um campo-grandense chamado Gabriel Abrão comprou uma área próxima ao córrego Ponte Vermelha.

Interessados em comprar lotes para a produção de café, paranaenses contataram Gabriel Abrão. Em 1973, fixaram-se na região dirigentes da empresa madeireira Maffissoni e Sorgatto S/A, de Renascença (PR). O grupo criou a sede de uma nova fazenda, localizada às margens do córrego Capão Redondo.

Começava assim, uma nova etapa do desenvolvimento da região, com a chegada de Balduíno Maffissoni, logo seguido por outras pessoas do Sudoeste paranaense e Oeste de Santa Catarina: Ângelo Brizot, Silvino Bortolini, Osório Rodrigues da Silva e Alessio Boff. Do Rio Grande do Sul vieram Walter Orling e Albano Frantz.

A cafeicultura, entretanto, não vingou na região. Em 1975, seria registrada a primeira colheita nos cafezais mais antigos, mas a produção foi totalmente destruída pela geada mais intensa já vista no Estado. O plano de reconstituição do café não surtiu efeitos; passou-se, então, a ter certa tendência para transformar as lavouras em pastagens.

No ano seguinte ao prejuízo nos cafezais, o povoado de São Gabriel foi elevado a distrito de Camapuã, sendo desmembrado do já antigo distrito de Ponte Vermelha. A decisão contou com a ajuda do deputado Rubem Figueiró de Oliveira.

Em 1977, surgiram os primeiros experimentos em soja, iniciando-se um novo ciclo de desenvolvimento. Dois anos depois, os moradores já não aceitavam mais a dependência de Camapuã e iniciaram-se movimentos visando à criação de um município. Os estudos para delimitação foram feitos em 1980, com o apoio dos deputados Ary Rigo e Londres Machado. Em 4 de maio realizou-se o plebiscito pela Comissão de Emancipação. No dia 12 de maio, por ato do ex-governador Marcelo Miranda Soares, foi assinada a lei em que ficou criado o novo município e estabeleceu seus limites. Seu território desmembrou-se de Camapuã, Bandeirantes, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso e Coxim.

Um ato do governo federal, no entanto, adiantou as eleições previstas para 15 de novembro de 1980. Criou-se, então, um impasse administrativo, já que São Gabriel e outros oito municípios não poderiam escolher o prefeito por meios eletivos. Depois de diversas reuniões, o governo estadual criou o cargo de administrador municipal, permitindo que o município fosse instalado no dia 17 de junho de 1981.

Para administrar o recém-criado município, foi empossado o líder da fundação da cidade, Balduíno Maffissoni.

Veja imagens do município de São Gabriel do Oeste

 
 
 

Atuação

Conheça as ações do deputado federal Geraldo Resende em São Gabriel do Oeste:

 

Saiba Mais

Saúde Pública

Geraldo conquista renovação da frota de ambulâncias do SAMU do Estado

O deputado Geraldo Resende (PSDB) solicitou nesta segunda-feira (10) no Ministério da Saúde a renovação da frota de ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do Estado. O parlamentar se reuniu com o secretário-executivo do...

Pé na estrada

Geraldo discute andamento de obras na Saúde em São Gabriel do Oeste

Deputado reuniu prefeito e vereadores em visita a obras

Notícias

Ministério da Saúde empenha R$ 500 mil para São Gabriel do Oeste

O Governo Federal empenhou nesta quarta-feira (29), em favor do Fundo Municipal de Saúde de São Gabriel do Oeste o valor de R$ 500 mil para investimentos no Hospital Municipal. O recurso corresponde a uma emenda individual do deputado Geraldo Resende...

São Gabriel do Oeste terá R$1 milhão para infraestrutura conquistado por Geraldo

O Ministério das Cidades empenhou nesta quarta-feira (14) o valor de R$ 493.100,00 para obras de drenagem e pavimentação asfáltica em São Gabriel do Oeste. O empenho é o processo que antecede pagamento. O valor foi destinado pelo deputado Geraldo...

Brasil Sorridente

Ministério da Saúde doa equipamentos odontológicos para 12 municípios do MS

O Governo Federal habilitou equipes de saúde bucal de 12 cidades de Mato Grosso do Sul, que irão receber equipamentos odontológicos para unidades de saúde que possuam equipes de saúde bucal.

Notícias

Funasa paga R$ 1,9 mi para saneamento básico em seis municípios

O Governo Federal depositou R$ 1.921.810,79 na conta do Governo do Estado e de outras três cidades nos dias 3, 4, 5 e 6 deste mês. Os recursos são referentes aos valores viabilizados entre os anos de 2007 e 2011, por meio da intervenção do...

São Gabriel recebe R$ 1 milhão para obras de esgotamento sanitário

Os recursos são oriundos da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2), executados pela Funasa.

Saúde

São Gabriel do Oeste terá Centro de Controle de Água

De acordo com a Superintendência Estadual da Funasa, Centro irá atender Estado com serviços técnicos no controle de contaminação da água

Notícias

Puccinelli pede R$ 100 milhões para 10 aeroportos de MS

Plano prevê obras nos aeroportos de Três Lagoas, Dourados, Nova Andradina, Naviraí, Paranaíba, Costa Rica, Coxim, Maracaju e São Gabriel do Oeste, além do aeródromo Santa Maria, em Campo Grande.

Notícias

Ministério libera R$ 5 milhões para 16 municípios

Recursos foram solicitados pelo deputado Geraldo Resende para repasse direto aos municípios em situação de emergência

PMDB

Ministério da Integração garante R$ 30 mi ao Estado

O secretário-executivo do Ministério da Integração Nacional , Alexandre Navarro, anunciou complementação de R$ 25 milhões..

Notícias

São Gabriel do Oeste terá controle de qualidade da água

O deputado federal Geraldo Resende (PMDB) anunciou nesta quinta-feira (30) o empenho de recursos de R$ 2,8 milhões para a implantação de um centro de controle da qualidade da água

1
 

Gabinete em Brasília - DF
Anexo IV - Gab 905 - CEP. 70160-900
Tel: (61) 3215-5905 - (61) 3215-3905
Fax: (61) 3215-2905
Email: dep.geraldoresende@camara.gov.br

Escritório em Dourados - MS
Rua Dr. Nelson de Araújo, 30
CEP. 79804-040 - Jardim América (Centro) - Dourados - MS
Tel: (67) 3422-9292
Fax: (67) 3427-0908
Email: atendimento@geraldoresende.com.br