Terenos

A ocupação da área que hoje constitui a cidade de Terenos, até então habitada pela tribo indígena do mesmo nome, deu-se com a implantação da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil, que em data de 06 de setembro de 1914, inaugurou a estação ferroviária e telegráfica, do mesmo nome, não se prevendo entretanto que ali seria a sede de um próspero município.

A partir de 15 de julho de 1920, a colonização ficou a cargo da Sociedade Territorial Sul Brasileira - H. Hacker & Cia. - empresa alemã que tinha por finalidade introduzir e localizar imigrantes na região. Infelizmente esta colonizadora conseguiu localizar apenas uma família austríaca, chefiada pelo senhor Gustavo Pelz, procedente do Estado do Paraná. Terenos é topônimo provindo da tribo indígena Terenos ou Terenas - o mesmo que Gaturamo-rei - ave de família dos Tanagrídeos, também chamado "Bonito".

Em 8 de maio de 1924, foi instalada pelo Governo do Estado, em convênio com a municipalidade de Campo Grande a Colônia Agrícola de Terenos ( hoje conhecida como Colônia Velha). Esta Colônia tinha a finalidade de assentar em seus respectivos lotes, as famílias dos agricultores, as quais recebiam uma casa de madeira coberta de telhas, ferramentas agrícolas e auxílio de manutenção por dois anos.

Dada a excelente qualidade de suas terras e o real interesse dos seus dirigentes, a Colônia em dois anos havia alcançado pleno êxito, com uma população de 454 pessoas e uma área cultivada de 381 hectares. Convêm frizar que a grande maioria dos colonos era de origem européia.

Posteriormente nova área, contígua à anterior, foi loteada pela Prefeitura de Campo grande, com a denominação de "Colônia Nova". Na região Salobra elementos de origem nipônica organizaram a "Colônia de Salobra" onde foram localizadas 18 famílias japonesas que se dedicaram a cultura de Cerais e café.

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, figura no Município de Campo Grande, o Distrito de Terenos. No quadro fixado para vigorar no período de 1949/1953, o Distrito de Terenos permanece no Município de Campo Grande. Elevado à categoria de município com a denominação de Terenos, pela Lei Estadual nº 674, de 11-12-1953, desmembrado de Campo Grande. Sede no antigo Distrito de Terenos. Constituído do Distrito Sede. Instalado em 10 de janeiro de 1954.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do Distrito Sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15 de julho de 1999.

Veja imagens do município de Terenos

 
 
 
 

Atuação

Conheça as ações do deputado federal Geraldo Resende em Terenos:

 

Saiba Mais

Geraldo solicita prioridade aos núcleos do programa Segundo Tempo em MS

O deputado Geraldo Resende (PSDB) esteve reunido com o ministro do Esporte Leonardo Picciani, nesta quarta-feira (13). Na audiência, o parlamentar, além de solicitar investimentos em Dourados e Itaporã, também defendeu a priorização dos sete...

Saúde

Liberados R$ 931 mil para requalificação de UBS de sete municípios de MS

O Fundo Nacional de Saúde (FNS) efetuou o pagamento das últimas parcelas para ampliação de Unidades Básicas de Saúde (UBS) nas cidades de Paranaíba, Sidrolândia, Caracol, Costa Rica, Jaraguari, Rio Negro e Terenos. Ao todo, R$ 931.412,00 foram...

Educação

FNDE financiará creches e quadra em 6 cidades de MS

Jaraguari, Laguna Carapã, Maracaju, Ribas do Rio Pardo e Terenos foram selecionados para construção de creches e Coronel Sapucaia terá recursos para quadra poliesportiva.

1
 

Gabinete em Brasília - DF
Anexo IV - Gab 905 - CEP. 70160-900
Tel: (61) 3215-5905 - (61) 3215-3905
Fax: (61) 3215-2905
Email: dep.geraldoresende@camara.gov.br

Escritório em Dourados - MS
Rua Dr. Nelson de Araújo, 30
CEP. 79804-040 - Jardim América (Centro) - Dourados - MS
Tel: (67) 3422-9292
Fax: (67) 3427-0908
Email: atendimento@geraldoresende.com.br